Quando um prematuro dá entrada numa Unidade de Cuidados Intensivos Neonatais os pais deparam-se com muitos termos  novos. Com o objectivo de compreender o que significam esses termos vou, de seguida, apresentar o significado da  terminologia mais usada numa Unidade de Cuidados Intensivos Neonatais. No entanto, sempre que não entenda ou desconheça algo, não hesite em perguntar ao pessoal que cuida do seu bebé.

 

 

A


ALIMENTAÇÃO PARENTERAL (Parentérica) - Alimentação por via intravenosa, ou seja, os nutrientes são administrados directamente no sangue.

ANALGÉSICOS - Medicamentos usados para eliminar ou diminuir a dor.

ANTIBIÓTICOS - Medicamentos usados para tratar as infecções causadas por bactérias.

ANEMIA - Baixo número de glóbulos vermelhos no sangue. Os glóbulos vermelhos são células que transportam o oxigénio necessário para a vida das outras células.

ANOXIA - Redução da quantidade de oxigénio no sangue e nos tecidos orgânicos. É sinónimo de hipoxia ou asfixia.

APGAR - Teste que avalia o estado de saúde do recém-nascido  através de uma escala que vai de zero a 10. É realizado duas vezes, ao primeiro e ao quinto minuto após nascimento. Esta avaliação usa critérios respiratórios, neurológicos e circulatórios.

APNEIA - Paragem respiratória.

AUDIOMETRIA - Exame para determinar o grau de acuidade auditiva.

 

.

B


BACTÉRIA - É um gérmen capaz de causar doenças graves, que têm de se tratar com antibióticos.

BILIRRUBINA - Pigmento amarelo alaranjado resultante da decomposição dos glóbulos vermelhos do sangue.

BRADICARDIA - Diminuição da frequência cardíaca.

BRONQUIOLITE - Infecção viral contagiosa das vias respiratórias que afecta os  bebés e as crianças pequenas e provoca dificuldade ao respirar, sobretudo ao expirar.

.

C


CATETER - Tubo de plástico estreito e flexível que se insere no corpo para injectar ou extrair fluidos.

CATETER UMBILICAL - Tubo de plástico estreito e flexível que se introduz no cordão umbilical do bebé através de um vaso sanguíneo.

CIANOSE - Coloração azulada da pele causada por uma oxigenação insuficiente do sangue.

COLOSTRO - Liquido seroso e amarelado segregado pelas mamas antes do inicio da aleitação. Este liquido é rico em anticorpos que  protegem o recém-nascido contra infecções.

CONVULSÃO - Actividade eléctrica anormal do cérebro que produz movimentos involuntários dos músculos e espasmos.

CPAP (Continuous Positive Airway Pressure) - Uso de cânulas nasais pequenas no nariz do bebé para manter uma pequena quantidade de ar nos pulmões no fim de cada expiração. Isto vai evitar o colapso dos alvéolos pulmonares.

 

.

D

 

DOENÇA DA MEMBRANA HIALINA - Distúrbio respiratório frequente nos recém-nascidos resultante de uma produção insuficiente de  surfactante pelos pulmões imaturos.

DISPLASIA BRONCOPULMONAR - Lesão do tecido broncopulmonar que ocorre em prematuros com dificuldade respiratória, submetidos a ventilação e oxigenoterapia intensa.

DIURÉTICO - Medicamento que serve para urinar mais e eliminar o excesso de liquido.

 

.

E


EDEMA (Inchaço) - Aumento de volume dos tecidos, devido a uma excessiva acumulação de líquidos.

ELECTROCARDIOGRAMA (ECG) - Registo gráfico da actividade eléctrica do coração.

ELECTROENCEFALOGRAMA (EEG) - Registo gráfico da actividade eléctrica do cérebro.

ENTEROCOLITE NECROSANTE (NEC) - Doença grave  do  aparelho  gastroentestinal, comum  nos prematuros. Consiste numa  inflamação dos intestinos que causa a destruição dos tecidos comprometidos.

ENTUBAÇÃO - Inserção de um tubo na traqueia, através do nariz ou da boca, para assistir a respiração.

EXSANGUINEOTRANSFUSÃO - Procedimento para tratar os efeitos da icterícia, infecção ou toxicidade grave, que  consiste na troca lenta e sucessiva de pequenas fracções de sangue do bebé por sangue compatível.



F


FOTOTERAPIA - Procedimento terapêutico que consiste em colocar o bebé despido com os olhos e os genitais cobertos sob uma luz  fluorescente (radiação ultravioleta), para reduzir o nível de bilirrubina no sangue.

 FREQUÊNCIA CARDÍACA - Número de batimentos cardíacos num minuto.

.FREQUÊNCIA RESPIRATÓRIA - Número de vezes em que se respira num minuto.

.

 

G


GASOMETRIA - Consiste na colheita de uma  amostra  de sangue arterial ou venoso para leitura do pH e dos valores dos gases sanguíneos (oxigénio, dióxido de carbono, ...).

GAVAGEM - Quando o bebé ainda não tem desenvolvido os reflexos de sucção ou  por qualquer outra razão não pode  ser alimentado ao peito  ou através de biberão é alimentado através de um tubo flexível de polietileno (sonda) que passa através da boca ou do nariz e desce até ao estômago.

.

 

H


HIDROCEFALIA - O termo hidrocefalia vem do Grego e significa "água na cabeça". Na realidade a água é liquido cefalorraquidiano, um líquido claro que é constantemente produzido nas cavidades, ou ventrículos, no interior do cérebro. Ele  passa de um ventrículo para o seguinte (quatro no total) através de canais estreitos, circulando depois na superfície do cérebro - uma pequena parte desce pela espinal-medula - e é absorvido no sistema sanguíneo. Esta absorção realiza-se por veias especializadas dentro do crânio as quais têm uma superfície semelhante a uma peneira. Apesar  de muito mais lentamente que a circulação do sangue, o liquido cefalorraquideano está em constante produção, circulação e reabsorção. A hidrocefalia pode resultar de excesso de produção de liquido cefalorraquidiano (muito raro), ou quando é impedida a sua circulação ou absorção.

HIPOTONIA - Diminuição anormal do tonus muscular.

. .

 

 

I

.

ICTERÍCIA (Neo-natal) - Coloração amarelada da pele e das mucosas que acontece  quando o fígado do  bebé ainda está imaturo e não é capaz de processar a bilirrubina que se acumula no sangue. O tratamento é geralmente feito através da fototerapia.

IDADE CORRIGIDA - Idade que o bebé prematuro teria se tivesse nascido na data do parto prevista inicialmente.

IDADE GESTACIONAL - Idade em semanas e dias desde o início da última menstruação.

INCUBADORA - Aparelho no qual os bebés são isolados do meio exterior e no qual são mantidos, através da criação de um ambiente controlado e mais favorável.

 


L


LANUGO - Pelo fino, suave e de cor clara, que cobre o corpo do feto e de alguns prematuros.

 

.

M


MASTITE - Inflamação das glândulas mamárias.

MECÓNIO - Material fecal de cor verde a negro (composto por bílis e muco) que constitui as primeiras fezes do  recém-nascido  e  que  se  excreta durante ou pouco depois do parto.

MENINGITE - Inflamação das meninges, a membrana que cobre e protege o cérebro e a espinal medula, causada por um vírus ou por uma bactéria.

MÉTODO CANGURU - Método em que se coloca o bebé contra o peito dos pais, com a finalidade de estabelecer o contacto pele com  pele.

MONITORES - Aparelhos que registam e vigiam os batimentos cardíacos, a  respiração, a temperatura, a tensão arterial e  os  níveis  de oxigénio, mediante sistemas não invasores, o que quer dizer que não causam dor porque estão colados na superfície da pele do bebé.

.

 

O


OXIGENOTERAPIA - Qualquer procedimento em que se administra oxigénio suplementar a um bebé.

OXIMETRO DE PULSO - Aparelho capaz de medir a quantidade de oxigénio no sangue.

 

 

 

P


PNEUMONIA - Infecção dos pulmões que provoca dificuldade respiratória, tosse, dor torácica e febre.

PNEUMOTÓRAX - Situação patológica na qual o ar passa dos pulmões para a cavidade torácica e comprime os pulmões e o coração. Normalmente esse ar tem de ser extraído.

PUNÇÃO LOMBAR - Técnica diagnostica em que é extraido liquido cefalorraquideo através da introdução de uma agulha no espaço entre duas vértebras lombares até à zona que contém o liquido cefalorraquideo.

.

 

R


RETINOPATIA DA PREMATURIDADE - Doença da retina do olho que afecta principalmente os bebés prematuros.

 

.

S


SÉPSIS - Presença de agentes infecciosos(bactérias, fungos, etc. ) ou das suas toxinas na corrente sanguínea.

SÍNDROME DE DIFICULDADE RESPIRATÓRIA (SDR) - Alteração respiratória dos pulmões imaturos, causado pela deficiência de surfactante.

SONDA NASOGÁSTRICA / OROGÁSTRICA - Tubo estreito e flexível  que se  introduz  no  estômago através do nariz ou da boca, usado para administrar nutrientes ou para extrair ar ou líquidos do estômago.

SURFACTANTE - Substância que ajuda a manter distendidos os pequenos alvéolos pulmonares, evitando o seu colapso. Normalmente é sintetizado nos pulmões. Pode-se administrar surfactante exógeno em bebés com Síndrome de dificuldade respiratória (SDR).

.

 

T


TENSÃO ARTERIAL - Pressão que exerce o sangue nas paredes das artérias.

TRANSFUSÃO SANGUÍNEA - Administração de sangue de um dador são a um doente.

TUBO ENDOTRAQUEAL - Tubo pequeno que se introduz na traqueia através da boca ou do nariz para administrar ar ou oxigénio nos pulmões.

.

 

V


VENTILADOR - Aparelho usado para manter um fluxo normal de ar nos pulmões.

 

Ser Prematuro®  2007 - 2017                                                                                                                                              O autor agradece  a colaboração de todos os pais